1/3
A prática regular de exercício físico é extremamente importante para a melhoria da saúde e para a conservação de uma  adequada qualidade de vida.



Os benefícios do exercício físico são há muito tempo conhecidos, pois na Grécia Antiga, por exemplo, já se considerava que os desportos constituíam uma excelente oportunidade para melhorar a condição física e uma desculpa lúdica para os naturais impulsos competitivos do ser humano, o que levou os Gregos a criarem os Jogos Olímpicos. Por sua vez, os Romanos, que também promoviam as actividades desportivas, tornaram célebre a frase "mens sana in corpore sano", ou seja, "mente sã em corpo são", o que confirma a ideia e a posição que essa civilização tinha em relação ao exercício físico e à saúde física e mental.

Milhares de anos mais tarde, os cientistas do nosso tempo confirmaram que a realização de exercício físico favorece o desenvolvimento harmonioso do corpo, previne inúmeros tipos de doenças e contribui para a estabilidade emocional e para a integração social dos indivíduos. No entanto, ao contrário do que ocorria nas sociedades antigas, o sedentarismo converteu-se, infelizmente, numa característica das sociedades modernas, já que é uma forma de vida que provoca inúmeros efeitos negativos na saúde das pessoas. Por conseguinte, hoje mais do que nunca, a prática de exercício físico, embora adaptada às necessidades, possibilidades e preferências de cada um, é essencial.